Arquitetura: uma arte funcional

É comum para a maioria das pessoas julgar algo por sua aparência externa. Não sendo diferente quando olhamos apenas para uma capa de um livro ou a fachada de um edifício, os julgamentos estéticos colhidos através da primeira impressão, sendo a mais superficial, despertam sentidos e trazem interpretações na qual o objeto em análise pode ser  interessante e correto para alguns, como também ser errado ou enfadonho para outros. Tratando-se de arquitetura especificamente, o processo e expressão do instrumento criado deve ser analisado com muito mais profundidade pois vai além de sua aparência e inclui vários fatores, planos, seções e elevações que estão por trás e que sustentam determinada obra. 

Assim como o escultor, o arquiteto trabalha com a forma e a massa, mas na arquitetura as formas concebidas  não são puramente geométricas como as de uma escultura abstrata. Na arquitetura as formas  nascem possuem um caráter de utilidade sendo assim consideradas uma arte funcional. O papel do arquiteto é solucionar problemas práticos, confinando espaços para que possamos habitar neles. A arquitetura nasce e adquire para ser vivida e não apenas vista de fora.

Além do conhecimento de técnicas e materiais, entender o contexto no qual se está inserido pode por vezes evitar a execução de projetos equivocados. Não é aconselhável copiar projetos, mesmo que universalmente admirados, e  inseri-los em outro lugar  esperando que estes sejam vistos e que funcionem da mesma forma, esse não é o processo correto. O que pode ser encantador e funcional em um determinado lugar não será necessariamente visto com os mesmos olhos e aceitação em outro contexto. O arquiteto é como um produtor teatral que deve estar ciente do seu cenário. Conhecendo-se o ambiente cultural terá a capacidade de configurar e planejar os espaços de modo que sua arte alicerçada se acomode e seja até mesmo adaptável o suficiente para imprevistos.

Quando o arquiteto se inspira em algo para fazer seu projeto, ele produz uma arquitetura de caráter individual que passa a ter sua própria personalidade. A singularidade da composição pode apresentar um único efeito como o de suavidade e dureza, por exemplo, ou apresentar uma mistura de combinações de materiais, formas e cores de elementos que atingem diferentes efeitos e torna a arquitetura especial e distinta.

Ao descrevermos nossas impressões referente a uma obra que possui caráter singular a descrevemos praticamente como um ser portante de um espírito e que transmite uma mensagem através do efeito tão particular gerado em nossa mente.

Compreender arquitetura não se restringe a identificação de estilos  por meio de elementos da fachada. Temos que a experimentar, entender o seu ritmo, observar de perto os efeitos texturais, as dimensões, os jogos de luz e sombra criados, a acústica dentre várias outras particularidades daquela obra. A arquitetura deve ser compreensível e acessível e o papel do arquiteto (a) é produzir conjuntos integrados que trazem ordem e relação ao ambiente humano. 

RASMUSSEN, Steen Eiler / Experiencing Architecture

2 comentários em “Arquitetura: uma arte funcional

Adicione o seu

  1. Olá, Gabriela.
    Me chamo Roniely, sou arquiteto e urbanista.
    Parabéns pelo conteúdo desta publicação “Arquitetura – uma arte funcional”. Sua reflexão coincide em muito com o meu pensamento e com a minha formação, ela contribuí para o desenvolvimento de um futuro trabalho que pretendo desenvolver. Além disso é muito importante refletir e adensar o nosso conhecimento antes de manifestá-lo em qualquer produção, principalmente nos tempos atuais de homogeneização e reducionismo da importância da arquitetura.

    Obrigado!

    Curtir

    1. Olá Roniely. Fico muito feliz por você ter gostado desta publicação e ser útil no desenvolvimento do seu trabalho! Acredito que compartilhar o nosso conhecimento é algo fundamental para o crescimento de todos nós como sociedade. Sucesso com o seu trabalho!!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Site hospedado por WordPress.com.

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: